terça-feira, 3 de julho de 2012

Tem grana extra no seu armário


Você já parou para pensar que todas aquelas suas roupas, sapatos, bolsas, cintos e demais acessórios que você tem guardados há tempos dentro do seu guarda-roupa podem lhe render um dinheirinho e te ajudar a acabar com suas dívidas?

Por Joyce Barreto Chicon


Muitas pessoas almejam abrir seu próprio negócio, mas para muitas parece uma realidade distante, ou até impossível. Saiba que sua renda extra pode estar mais perto do que você pensa. Sabe aquelas peças que estão enterradas há um bom tempo no seu guarda-roupa, coisas que você comprou e nunca usou, tem aquelas que você utilizou apenas uma vez e nem se lembra mais. Está na hora de fazer uma faxina no seu armário e transformar tudo em dinheiro.

A ideia dos bazares em casa ou os brechós pela internet tem se tornado uma verdadeira febre e tirado muita gente do sufoco. Isso porque as peças que você não vê mais graça pode ser exatamente o que outras pessoas procuram.

A sua intenção é lucrar, então faça as coisas corretamente, preste atenção em cada detalhe, comece com uma faxina, reúna tudo o que não lhe serve mais, peças que você não usa. E cuidado com o apego material, essa é a hora que você deve deixar de lado a mania de acumular coisas por qualquer motivo, estava lá sem uso, não é agora que você vai encontrar utilidade, a menos que seja, LUCRAR.


Hora da faxina




Já se foi o tempo em que pessoas tinham preconceitos com os brechós, eles são ótimas alternativas para você comprar algo útil e por um preço menor. Mire-se nesse seleto público e transforme as suas peças novas e inutilizadas em produtos rentáveis, sem dó nem piedade.

Uma dica é que você utilize caixas de papelão, ou sacos plásticos para separar as peças por tamanhos e estilos, roupas que amassam com facilidade, você pode separar em cabides.

Não tenha dó de se desfazer das coisas, vale tudo: roupas, calçados, livros, móveis, acessórios... Peças como camisa branca, jeans, vestidos e saias de tecidos leves, couro e sapatos são os mais procurados e fáceis de vender.


Como iniciar?


Tem um espaço sobrando na sua casa? Pense bem, garagem grande, um quintal com bastante espaço, um cômodo isolado, ou qualquer espaço que você possa limpar e de maneira organizada montar o seu brechó. Para que tenha sucesso, é necessário que o ambiente escolhido tenha uma boa aparência, seja aconchegante, arejado e acima de tudo limpo.

Dica: Para ter um bom retorno, talvez você tenha que investir um pouco. Compre papel de parede, prateleiras, monte um provador, se necessário tapetes e banquetas ou pequenas poltronas para acomodar seus clientes. Quer conquistar com um atendimento diferenciado? Deixe cafezinho pronto em um local estratégico, copinhos e água para que eles possam se servir.

Não tem espaço em casa? Existem algumas alternativas para te ajudar, a internet, muitas pessoas desenvolvem blogs e sites e vendem tudo online, algumas usam até suas redes sociais, e fica por sua conta sair divulgando por aí. Mas se ainda sua ideia é algo físico, então vamos lá. Consulte a igreja de seu bairro e veja se eles fornecem espaço para um bazar, algumas fazem isso, mas existe uma divisão para fins beneficente.

Divulgue




Nenhum negócio decola, se você não tem uma boa lábia e não ter ideias para divulgar. Comece contando sua novidade para parentes, amigos e vizinhos. Que tal agendar um dia e reuni-los para um chá da tarde, ou algum evento de sua preferência, é nesse encontro que você vai começar a promover o seu brechó.


Brechó virtual



Para começar, procure um site gratuito como blogs que são fáceis de organizar. Pense em um nome atrativo e de fácil memorização. Tire foto e transfira para sua página. É importante que elas estejam em ótima resolução, com valor, descrições e formas de pagamento para evitar dúvidas nos clientes. Para fidelizar seu público, realize promoções e esteja sempre muito bem atualizada. Sempre!




Como ter o melhor preço

Cautela na hora de definir os preços dos produtos. Não cobre o mesmo valor que pagou, mesmo que não tenha usado uma unica vez. Lembre-se que roupa é igual carro: saiu da loja, perde o valor. A ideia é atrair compradores. Para não ter despesa com lavanderias é importante que as peças estejam em ótimas condições. Avalie pequenos defeitos, conservação, detalhes, tecidos, época e marca. É fundamental ter espírito empreendedor, mostre seus produtos, destaque os detalhes, fale deles como peças unicas, combine peças retro com atuais e mostre seu diferencial. 


Mire nos exemplos
www.ararareformada.blogspot.com 
www.lolitabrecho.blogspot.com 
www.dasmarka.com 





3 Opiniões:

~~ Carol Farias ~~ disse...

Oi Joyce!!!
Obrigada por sua visita no carolminholasnacabeca. Também adorei seu blog. Já virei seguidora!! Bjs

Mad Alice disse...

oi flor estou te seguindo me segue tbm beijao
http://maddalice.blogspot.com.br

Marcelo Luiz disse...

Olá amigos do Blog !

Aproveito este contato para compartilhar com todos algo muito importante.

Quero apresentar para vocês um Sistema que me indicaram e que já estou obtendo resultados.

Gostariam de saber como estou aumentando meus ganhos no Mês trabalhando em Casa pela Internet ?

Acessem:

www.frpromotora.com/marceloluiz91945

Nome e Código: Marcelo Luiz 91945

Qualquer dúvida,me mandem um e-mail: divulgadormarcelo.frpromotora@gmail.com

FR PROMOTORA - DESDE 1998 APRESENTANDO SOLUÇÕES FINANCEIRAS

CNPJ: 02773549000144

Façam uma consulta no Site da Receita Federal:

www.receita.fazenda.gov.br/PessoaJuridica/CNPJ/cnpjreva/Cnpjreva_Solicitacao.asp

Abraços !!!