terça-feira, 19 de julho de 2016

Olimpíadas no Brasil


Discutir a falta de estrutura do país em realizar um evento de alto porte como as Olimpíadas, não vai ajudar a agilizar o processo ou melhorar o que falta ser feito, as manifestações são sempre válidas, mas também é perda de tempo pensar que por causa disso o vento deixará de acontecer. Ao contrário, falta pouco tempo e o país já está em clima de jogos olímpicos. O Brasil tem uma infraestrutura inferior se comparado aos outros países que também sediaram as olimpíadas.

De fato o Brasil não se encontra preparado para tal façanha, mas não vamos isolar que problemas também existem em outros países, e houveram deslizes da parte deles em diversos quesitos ao organizar eventos como este. O que acontece é que não se divulga problemas, mas só as coisas positivas. O que não é bom se esconde. Embora para a maioria dos brasileiro falar em patriotismo é um absurdo. Ele existe, e acredite, não apenas nos classificados como “países de primeiro mundo”, mas até aqueles que passam por grandes dificuldades, há verdadeiros patriotas.

Já no Brasil, parece que levantar as questões negativas faz parte do que é ser brasileiro, e é muito mais legal tampar os olhos para os problemas dos outros e achar que tudo funciona as mil maravilhas, e esquecer que no Brasil também há muita coisa boa. Ou ainda, é muito, mas muito difícil mesmo, cada um fazer sua parte, ao invés de sentar no sofá e reclamar do que não concorda. Os que saem de suas casas para se manifestarem, já é um passo dado, mas não da para ficar só nisso, tem que avançar sem uma passeata, mas individualmente. Sabe aquela velha frase: Se cada um fizesse a sua parte (de forma concreta).

Sim, é difícil mudar pensamentos, principalmente com um quadro tão deficiente onde o país está tão abalado politicamente e economicamente, com tantos brasileiros passando necessidades. Milhares e milhares de reais sendo gastos em estruturas urbanas, e métodos para receber tanta gente de fora é revoltante, com certeza.

Mas criticar, se revoltar não vai mudar o que está acontecendo agora. E não dá para tolerar o pensamento de quem sugere boicotar o evento, além de ser em vão, os prejudicados seriam somente quem não tem nada a ver com tudo isso, como os atletas que trabalharam duro para estarem aqui. É ousadia afirmar que dá para ignorar os fatos ruins e tentar pensar positivo de alguma forma. É indiscutível, as Olimpíadas vão acontecer, goste ou não goste.

Imagine que depois que os jogos acabarem, toda essa estrutura esportiva vai continuar aqui. Não custa ter fé que o turismo vai movimentar de maneira positiva a economia no país, talvez as exportações aumentem, e quem sabe novos empregos passem a surgir. As pessoas podem se interessar em aprender outro idioma, enquanto isso, jovens estarão mais estimulados a praticar esportes. E ainda, pessoas de todas as idades se interessem em se movimentar mais e mudar seus estilos de vida.

é visto que o Brasil está enfrentando e vai enfrentar muitos problemas com a tamanha falta de infraestrutura. Terá que superar muitos desafios, e nem todo seu planejamento vai ser bem sucedido quando colocados em prática. Mas mais uma vez, cultivar o pensamento positivo de que se conseguir enfrentar boa parte de suas dificuldades, pode ser benéfico o resultado daquilo que foi investido. E que faça das Olimpíadas uma nova oportunidade, principalmente financeira. E aí sim, é nessa parte em que se deve ficar de olho. 

terça-feira, 12 de julho de 2016

Total insatisfação com a Cobasi


Apresento-lhes Darcy e Lizzy, meus novos filhotes, são dois porquinhos da Índia frisados que ganhei de dia dos namorados, uma fofura, como vocês podem ver!

Mas não vir falar de como eles são fofos, mas sim de "problemas" com o local da compra dos bichinhos. Recentemente fiz uma reclamação no Reclame Aqui sobre a loja tão conhecida: Cobasi.

E vou compartilhar algo muito importante, porque penso que seja de grande utilidade para quem frequenta as lojas Cobasi, e principalmente, é comprador de animais nesta loja.

A reclamação que fiz, tem o principal objetivo de ajudar pessoas que compram roedores e outros animais nesta empresa, e o caso é muito sério, segue minha reclamação:

No dia 11 de junho ganhei do meu namorado um casal de porquinhos da índia, comprados na Cobasi localizada na Granja Viana na Grande São Paulo, com o vendedor Adilson. Fiz a adaptação em uma gaiola (62 cm de comprimento x 41 cm de largura) de R$ 208,00, comprada em outra loja da Cobasi, em Osasco. Quando mencionado que era para um casal de porquinhos da índia, o vendedor indicou este ambiente (mas se preocupou apenas com a venda, ao invés de instruir que a gaiola não é apropriada para dois porquinhos).

Mas como leigos não sabíamos sobre o melhor ambiente ou alimentação dos bichinhos. Então para nós, estava tudo certo! Na mesma semana resolvi leva-los ao veterinário, a ideia era aprender a cuidar dos bichinhos e saber sobre como é a saúde destes animais. Foi quando o maior dos problemas começou, acontece que um dos porquinhos estava com micose avançada e pneumonia agravada, enquanto o outro estava com sarna.

O veterinário (especializado em animais silvestres) perguntou onde os porquinhos haviam sido comprados, e quando falei que havia sido na loja Cobasi, ele disse que era algo muito comum de acontecer, que o problema é muito frequente. Muitas pessoas que compram roedores e aves na Cobasi leva o bichinho com problema de saúde. Só que na hora da compra, nada disso é orientado para o cliente, que na maioria das vezes é leigo no assunto.

Por conta destes problemas de saúde dos porquinhos, tive muitos gastos com medicamentos. Não digo pela consulta porque é obrigação do proprietário acompanhar os animais com um bom veterinário. Mas é obrigação da empresa ser ética e instruir seus funcionários como orientar seus clientes. Algumas empresas esquecem que existe um pequeno detalhe: o “pós-venda”. É meu amigo, é durante um bom atendimento, e bons conhecimentos transmitidos para o cliente, que o feedback no pós-venda é positivo, e neste caso muito negativo.

A única questão aqui, é que os funcionários estão capacitados em passar produto para frente, porém não possui conhecimento algum sobre o que estão vendendo. O vendedor, não tinha o bom senso, ou pior, não sabia instruir que os porquinhos da índia crescem e não podem viver em um espaço de 
62 cm de comprimento x 41 cm de largura. Os funcionários não são capacitados a instruir sobre refeições dos bichinhos. Se eu não tivesse ido ao veterinário, os dois preás estariam em um espaço minúsculo, eu jamais saberia que a alimentação deles deve ser composta por vitamina C (obrigatoriamente), e o pior, já teriam morrido pela pneumonia que estava agravada e a micose e sarna derrubado os pelos do outro contaminando todo o espaço.

Eu que sempre fiz compras para meus cachorros, gatos e hamsters na Cobasi, mesmo achando alguns preços abusivos. Entendi que é apenas uma loja com nome grande que se preocupa apenas em vender, sem fidelizar clientes. Não é mais uma opção para mim e minha família.

Estou com os bichinhos faz um mês, estão ótimos devido aos tratamentos, mas perdemos dinheiro na compra da gaiola de R$208,00 que foi usada por uma semana, que estou tentando passar para frente e nem sei se vou conseguir, tive despesas inesperadas, precisei montar um cercado grande para os bichinhos e quem deveria ter dado esta orientação era o vendedor. 


As lojas Cobasi tem um nome grande, o que os ajuda a atrair novos clientes. Mas senhores, entendam que fidelizar cliente é importante, o pós-venda é muito necessário, e um feedback positivo é essencial (principalmente em tempos de redes sociais). Treinem seus funcionários, e vocês não vendem só objetos, mas animais (vidas), é preciso orientar o comprador!


Cobasi Osasco
Falta de treinamento
Acho impressionante que algumas empresas não se preocupam em treinar seus funcionários para o bom atendimento e conquistar seus clientes. Eles não vendem apenas objetos, mas também VIDAS. E não interessa se não enxergam assim, o comprador pensa desta maneira, e quando se compra um animalzinho, a ideia é criarmos com amor e que eles fiquem bem. Imagine você comprando um bichinho que vem com sarna, micose e pneumonia. Desagradável, não é mesmo?!

Pode até haver algum tipo de treinamento com os funcionários da Cobasi, mas podemos entender que falta eficácia!

Outro problema

Como eu citei lá em cima, são dois porquinhos da Índia, um casal! Mas também não temos a informação de que são parentes, o que prejudica o cruzamento. A possibilidade de bebês nascerem com problemas e deformações é muito grande. Quer dizer, um outro grande problema, que não foi informado na compra.

Não é a primeira vez!
Sou cliente da Cobasi há bastante tempo, sempre tive cachorros e hamsters, hoje tenho um gato, e compro alimentos e acessórios para eles lá. Aliás, comprava.
Um dos meus hamsters, eu comprei na Cobasi de Osasco, eles me garantiram que era macho, e tive uma surpresa quando ela entrou no cio e descobri que era fêmea. Na compra de dois saquinhos de ração para estes roedores, cheguei e fui colocar no pote, quando vi, haviam vários carunchos no pacote.

Já fui muito mal atendida por uma funcionária da loja que discordou de algumas indicações veterinárias sobre meu cachorro, e foi muito grossa comigo. Outro funcionário, que eu fui tirar dúvidas sobre as sementes de uma planta, ele simplesmente disse: Desculpa, mas não sei te ajudar, pergunte para outro vendedor. E me deu as costas.

São pequenas coisas que a gente deixa passar, porque pensa ser o caso de apenas um funcionário mal humorado, ou despreparado. Mas cheguei a conclusão que é algo comum na Cobasi!

Por fim
Recebi uma ligação do departamento de Marketing da Cobasi, para a tentativa de resolução do meu problema, devido minha reclamação no Reclame Aqui. A solução que encontraram foi a troca da gaiola, ou a devolução do dinheiro pela gaiola. Mas só podia ser feita com a nota, que nem existe mais. Claro, na compra da gaiola nem pudemos imaginar que teríamos um problema e o espaço não era apropriado. Mas tudo bem. Pensar em resolver o problema financeiramente é muito fácil.

Preparar a equipe Cobasi para aprenderem a lidar com seus clientes de forma coerente, oferecer verdadeiro treinamento, é mais difícil. Não deveria, mas infelizmente temos muita empresa com interesse em bater metas, e esquecem que precisam fazer um bom atendimento (com educação) para isto.

Enfim, com tantas outras lojas com nomes grandes crescendo por aí, a Cobasi não é a única opção, principalmente quando falamos em preço. Se você é cliente Cobasi, sabe do que estou falando. Bom, como a insatisfação é minha, eu mudo facilmente o local de compra de artigos para pet. Mas me obrigo a postar esta reclamação aqui, nos sites de reclamações e redes sociais, porque penso que quando compramos um animalzinho (embora eu seja verdadeiramente contra este ato e muito favorável a adoções), estamos falando de uma vida e estas não podem ser passadas para frente como um simples objeto.
Posted on terça-feira, julho 12, 2016 | Categories: ,