segunda-feira, 13 de março de 2017

Gravidez: faça o teste!

Tire a prova dos nove dos produtos disponíveis nas farmácias e não sofra mais com resultados pouco confiáveis


O teste de gravidez é o método mais procurado por mulheres em busca de uma notícia que, muitas vezes, antecipa angústia, medo e ansiedade, dependendo da circunstância. A procura começa cedo e na farmácia! Adolescentes, por medo da gravidez precoce; já as mais maduras para confirmar a notícia que vem junto com uma expectativa da gestação tardia. Vale lembrar que os testes têm sensibilidades diferentes para cada tipo de hormônio. A diferença consiste na sensibilidade. Os mais sensíveis são melhores e a probabilidade de erro é quase zero. Ele custa um pouco mais caro do que os de sensibilidade menor. “Os testes são confiáveis. Quando o resultado for positivo, não há erro: a mulher está grávida. Mas se acusar negativo e ainda surgir suspeitas é recomendado realizar o exame de sangue. Se preferir espere mais dois dias e repita o mesmo teste”, ensina o ginecologista e obstetra, Daniel Klotzel, do Hospital Albert Einstein. Os testes detectam o hormônio HCG (gonadotrofina coriônica). Para realizar o teste, o mais recomendado é fazê-lo na primeira urina do dia, que contém maior concentração de hormônios e potencializa os resultados.

Quando fazer
Faça o teste entre dois e cinco dias de atraso da menstruação. Se optar em fazer o de tira, é importante saber que, independente da cor que aparecer, a segunda linha, mesmo bem clarinha, indica que o resultado é positivo.




Deu positivo. E agora?
A primeira coisa a fazer, é procurar um médico de sua confiança, para que ele confirme o resultado do teste e prescreva as recomendações que deverão ser tomadas, como exames que vão diagnosticar sua condição de saúde e o tempo de gestação. Não descarte a ideia de que o negativo algumas vezes também pode ser positivo. Como algumas mulheres têm o ciclo menstrual irregular, é preciso contar com o nível de atraso e, neste caso, seguir o prazo de até cinco dias após o atraso para realizar o teste.

Fale com seu ginecologista
Algumas mulheres ainda veem ginecologistas como tabus e sentem vergonha de se consultar. Entenda que é muito importante uma avaliação mensal da sua saúde ginecológica. O médico indicará a maneira correta de se cuidar, prevenir e os exames de rotina que deverá realizar. Não deixe a menstruação ficar atrasada por muito tempo sem diagnóstico. Quanto mais rápido tirar as dúvidas e ouvir as recomendações médicas, mais segura a sua saúde íntima estará.
Tipos mais comuns
Os testes de farmácia mais podem ser feitos em casa mesmo. Existem dois tipos mais conhecidos: de tirinha e de caneta. Eles podem ser feitos a partir do primeiro dia de atraso do período menstrual. Veja!

Tirinha
É muito fácil! Preencha a urina até a metade de um copinho plástico, sem deixar ultrapassar a marquinha limite existente no teste. Mergulhe a parte inferior da tira na urina e deixe descansando por cinco minutos. Remova-a do copo e veja se apareceu uma segunda faixa na tira. Se a resposta for positiva, parabéns, você será mamãe!

Caneta




Remova a tampa e aponte a caneta próxima ao jato de urina, mantenha o teste nesta mesma posição durante 15 segundos para a penetração do xixi. Em seguida, tampe-o novamente e, após 5 minutos, destampe. Se aparecer duas linhas, o resultado é positivo. Portanto, procure o seu médico e comece a preparar o enxoval!

Serviço
Precisão, Wama Diagnostica
SAC: (16) 3377-9977

Confirme, Alamar
SAC: (11) 4066-7244

Clear Blue, Novartis
SAC: 0800 7758181

Gravtest, Cimed
SAC: 0800 7044647